Unileão adere ao Outubro Rosa com ações de prevenção ao câncer de mama e de colo do útero

Terça-Feira - 15/10/2019


Projeto do curso de Enfermagem é desenvolvido durante todo o mês da campanha.

Neste mês, celebra-se o movimento mundialmente conhecido como Outubro Rosa. A campanha internacional tem o intuito de promover a conscientização sobre o câncer de mama e, mais recentemente, passou a tratar do câncer de colo do útero. A iniciativa divulga informações relacionadas às doenças que, por muitas vezes, deixam de ser tratadas logo no início pela falta de conhecimento sobre os sintomas.

Com esse cenário em vista, alunos do 9º semestre do curso de Enfermagem do Centro Universitário Doutor Leão Sampaio (Unileão) estão promovendo ações com o objetivo de incentivar a prevenção e auxiliar no diagnóstico precoce do câncer de colo do útero e de mama.

Na Policlínica de Barbalha, os estudantes realizam o exame preventivo do câncer de colo do útero (papanicolau) e orientam as mulheres sobre o autoexame das mamas, que auxilia no diagnóstico do câncer de mama. O serviço acontece durante todo o mês de outubro.

De acordo com a preceptora Enf. Maria do Socorro, uma das orientadoras do projeto, ações como essas ajudam na mobilização de um maior número de mulheres.

“O nosso objetivo também é incentivar as mulheres a conhecerem o corpo e não terem medo de chegar nas unidades de saúde e dizerem o que estão sentindo. Então, a gente faz com que elas se sintam confiantes e orientamos para que, a partir do banho, elas se autoavaliem”, ressalta Maria Marine, estudante do curso de Enfermagem da Unileão.

Programação de atividades

 Além da realização de exame de papanicolau e exame das mamas na Policlínica de Barbalha, o curso de Enfermagem está com outras ações voltadas ao Outubro Rosa, são elas:

 

  • Dia 14/10, às 16h - Palestra dos acadêmicos do 9º semestre (acompanhados pela preceptora Soraya) com funcionários da empresa Apuana Calçados;

 

  • Dia 16/10, às 16h - Palestra da Liga Acadêmica de Saúde da Família com funcionários da empresa Central da Picanha;

 

  • Em todos os campos de estágio do 9º semestre, nas Estratégias de Saúde da Família (ESFs), estão acontecendo atividades de sensibilização para prevenção e atendimento relacionados à saúde da mulher.

Dados

 No Brasil, o câncer de mama é o segundo tipo mais comum entre as mulheres, representando algo próximo de 25% no número de tumores que afetam o sexo feminino. No país, foram estimados 59.700 casos novos de câncer de mama em 2019, com risco estimado de 56 casos a cada 100 mil mulheres.

Já o câncer de colo do útero é o terceiro tumor maligno mais frequente na população feminina e a quarta causa de morte de mulheres por câncer no Brasil.

A infecção genital causada por alguns tipos do Papilomavírus Humano (HPV) é muito frequente e não causa doença na maioria das vezes. No entanto, em alguns casos, ocorrem alterações celulares que podem evoluir para o câncer. Essas alterações são descobertas facilmente no exame preventivo e são quase sempre curáveis. Por isso, é importante a realização periódica do exame.



Categorias: Enfermagem |